Publicada no dia 12/04/2009
PÁSCOA DE 2009
“Ele não está aqui, ressuscitou!”(Mc 16,6).
Páscoa é a passagem de Cristo deste mundo ao Pai.
A fé pascal dos cristãos requer que creiamos que Jesus realmente morreu e ressurgiu; que morreu pelos nossos pecados e ressurgiu para nossa justificação; que morreu por amor.
Há, pois, uma Páscoa a ser celebrada na Liturgia e uma Páscoa a ser celebrada na vida. Elas são inseparáveis entre si: a Páscoa da Liturgia deve alimentar a Páscoa da vida e esta tornar autêntica a Páscoa litúrgica.
Jesus é o Senhor. Diz São Paulo na Epístola aos Romanos (10,9) que: “Se confessares com a tua boca que ‘Jesus é o Senhor’ e credes com o teu coração que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo”. É através do sacramento e da Palavra que podemos experimentar em nossa vida essa realidade. Para isso é necessário fazermos pessoalmente a experiência do Ressuscitado.
Reconhecer que “Jesus é o Senhor” é tomar uma decisão. É como dizer: Jesus Cristo é o “meu Senhor”. Ele é a razão mesma da minha vida. eu vivo “para” Ele, não mais “para mim mesmo”.
No Domingo de Páscoa, a primeira testemunha da Ressurreição a fazer essa experiência foi Maria Madalena; depois, temos Pedro e João, os apóstolos reunidos, os discípulos de Emaús, Tomé, a pesca milagrosa. Cada um a seu modo fez a experiência pessoal de que havia esta boa notícia: “Jesus ressuscitou!” “É Ele o Cristo! É Ele o Senhor!”.
Abramos o nosso coração para vermos acender a mesma luz que se acendeu sobre a barca, no coração do discípulo que Jesus amava e o fez exclamar maravilhado: “É o Senhor!”.
É necessário fazer essa experiência pessoal do Ressuscitado, que aparece e nos fala no cotidiano de nossa vida: num jardim, na barca, em nosso lugar de oração, no caminho, no mais íntimo de nosso coração e que pode mudar o curso do nosso caminho.
Madalena que vai anunciar a Ressurreição do Senhor; Pedro que se atira da barca nas águas ao encontro do Senhor; os discípulos de Emaús que voltam à Jerusalém. Encontrar com Jesus significa mudar os planos humanos de nossa vida. A experiência do encontro com o Senhor e de seu reconhecimento transforma radicalmente a vida dos que a fazem.
Neste ano, que o Senhor nos conceda exclamar também nós, saindo dos ritos da Páscoa, aquilo que os primeiros discípulos disseram a Tomé ausente: “Vimos o Senhor!” Sim! “Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai! Amém!”
Feliz encontro com o Ressuscitado!
Nessa Páscoa de 2009, o nosso site completa um ano. Agradecemos de coração a todos os nossos amigos, familiares e benfeitores que possibilitaram isso, assim como todos aqueles que, com seus comentários, nos têm incentivado a partilharmos “on line” a nossa simples e profunda vida comunitária, na qual tentamos viver “nada antepondo ao amor de Cristo”.

Madre Martha Lúcia Ribeiro Teixeira,OSB